PLANEJAMENTO


O processo de planejamento organizacional que está sendo implementado pela Defensoria Pública do Estado do Pará, engloba tanto o plano estratégico como o tático-operacional, sendo que este já está com 75% dos Planos Táticos desenvolvidos.


ESTRATÉGIA


Cada unidade gestora da Defensoria Pública é responsável por alimentar o progresso de suas iniciativas (ações) e táticas estabelecidas no plano, desde o início do processo, em suas respectivas áreas de atuação dentro do sistema (SISPEN), logicamente, respeitando as decisões tomadas em coletividade (Comitê Gestor do Plano Estratégico - CGPE) e as condições sócio-orçamentárias da Instituição.

TRANSPARÊNCIA

A população assistida e o próprio corpo funcional podem verificar tais informações e o desenvolvimento das ações previstas no Plano da Defensoria pelo link disponibilizado no site (login: defensoriapara / senha: consulta) . Neste espaço, o público também pode deixar sua opinião e contribuir com o processo de planejamento.

SISPEN

É importante ressaltar o teor dinâmico do SISPEN, pois o sistema é acolhedor de um conteúdo contínuo mensal e de alteração e adição, se necessário, de acordo com as mudanças de cenário. O acompanhamento e monitoramento é indicado como uma eficaz ferramenta de controle social sobre o crescimento da Defensoria Pública.